Seguidores

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Maternal 2015: Lição 10- Quando eu oro, o Papai do Céu me dá coragem!

Leitura Bíblica: Ester 2,3,4 e 7

Objetivo: Que a criança aprenda que quando oramos Deus nos dá coragem.

Para guardar no coração: "Sejam fortes e tenham coragem (...)"   (Salmos 31.24)

Recursos Visuais:




Rainha Ester e Rei Assuero feitos de caixa de leite e eva


Trabalhinhos para Colorir:














História Bíblica: Ester 2,3,4 e 7

Resumo da História de Ester
Do “LIVRO de ESTHER” encontrado no Antigo Testamento, foi preparado este grau. Toda história é um símbolo do patriotismo de um povo perseguido que aspira pelo triunfo da Justiça. Todas as virtudes de graça e coragem de ESTHER, jovem judia de apenas 15 anos de idade se devem aos ensinamentos recebidos de seu tio MARDOQUEU, que a criara por ser órfã de pai e mãe. Ela acaba se casando com o rei ASSUERO sem que ele saiba que ela é judia.
Com o passar do tempo, um dos ministros preferidos do rei, chamado HAMÃ, porque MARDOQUEU não lhe prestava obediência, se enfureceu e passou a perseguir MARDOQUEU e a todos os demais judeus, com intenção de destruí-los. Conseguiu convencer o rei ASSUERO que emitiu uma ordem no sentido de destruir todo o povo judaico. Quando ESTHER soube do terrível perigo que ameaçava o seu povo ela não hesitou um só momento, e enfrentando as leis que proibiam a presença de qualquer pessoa, homem ou mulher, diante do rei sem ter sido chamado, e cuja pena era a morte, ESTHER compareceu, pois estava animada pelo espírito de amor ao seu povo, injustamente perseguido. O rei entretanto, que amava sua esposa a recebeu e ouviu o seu pedido. Conseguiu então ESTHER, expor ao rei as maldades de HAMÃ, sua crueldade e o ódio que tinha aos judeus, ao mesmo tempo que o rei tomava conhecimento que MARDOQUEU tinha certa ocasião salvo sua vida. Dessa forma HAMÃ foi condenado e a perseguição contra os judeus terminou. Lembre-se que na ocasião que ESTHER decidiu enfrentar a morte comparecendo diante do rei, seu tio MARDOQUEU lhe disse: “e quem sabe, se para tal tempo como este chegaste a este reino?”. Sendo esta pergunta talvez um continuado desafio para todas as mulheres em todos os tempos.



Postar um comentário